Mulheres Digitais (4ª edição) – O poder feminino no mercado digital

Inscrições encerradas. Para mais informações envie um e-mail para [email protected] ou ligue para 3170-5910 / 3170-5911

Informações gerais

Teatro Cásper Líbero – 1º andar
Data

1 de abril (sábado)

Horários

8h às 17h30

Descrição

No próximo dia 1 de abril, sábado, o Teatro Cásper Líbero será palco para a da 4ª edição do evento Mulheres Digitais! O tema será “Mulheres à frente das Marcas”.

O evento irá abordar estratégias, conteúdos e tendências de mercado e, por meio das trajetórias e experiências de vida de cada palestrante, a representatividade feminina irá ganhar força e espaço.

Seremos convidados a conhecer as histórias de Maria Carol, Cristine Kist, Dani Rodrigues, Perola Cussiano, Jac Lafloufa, Juzão, Nathalia Cabral, entre outras, em um debate sobre Consumo Digital, Twiiter, Youtube, Instagram e futuro. Um futuro em que cada dia mais, as mulheres são presença constante à frente das marcas.


Confira a programação do evento:

09:30 às 10:20Twitter, um lugar diferente. Estratégias de nicho que ultrapassam hashtags:

Existe uma rede social mais nichada que o Twitter? Quem não é mainstream vai pro twitter. Lá as coisas são diferentes.
A divertidíssima Juzão sobe ao palco para uma aula sobre estratégias de nicho e conta como sua vida mudou depois que começou a trabalhar no Twitter.

10:20 às 11:10 – Conteúdos para grandes marcas. Os desafios de uma comunicação clara:

Jacqueline Lafloufa fala sobre os desafios e vantagens de editar conteúdo para grandes empresas e organizá-los da melhor forma possível para acesso ao público.
Ajuste de tom, alinhamento de conteúdo, timing e muitas outras curiosidades que você precisa saber sobre o jornalismo digital, com esta que é uma das jornalistas mais influentes do meio.

11:10 às 12:00 – É possível ser fiel ao posicionamento da sua marca sim:

Renata Vieira nos mostra como a Netflix, que sempre se posiciona sobre os mais diversos temas (LGBT, feminismo, igualdade, etc), mantém uma estratégia de comunicação coerente com suas crenças. E como tem sido capaz de se conectar cada vez mais com seu público.

12:00 às 12:15 - Homenagem

12:15 às 14:00 - Almoço

14:00 às 14:50 – Instagram como uma plataforma de representatividade de gênero:

Quais são as novidades do Instagram e por que ele pode se tornar uma grande plataforma de representatividade de gênero?
Perola Cussiano, líder de desenvolvimento marca do Instagram no Brasil, sobe ao palco para responder estas perguntas e mostrar como o Instagram e o feminismo mudaram a sua maneira de olhar o mundo.

14:50 às 15:40 – Por um jornalismo com mais representatividade e coragem:

A ciência ajuda você a mudar o mundo. Foi com esse mote que a Revista Galileu modificou recentemente seu projeto gráfico e a sua linha editorial. Mais voltada a temas sociais, a publicação quer que os leitores aprendam e então saiam do sofá.
Giuliana de Toledo fala sobre a coragem da nova geração de jornalistas. Ela conta como foi sair do Rio Grande do Sul e toda trajetória até se tornar editora na Galileu.

15:40 às 16:30 – Instituto Avon – Estratégia e projetos que transforma realidades:

Entenda as estratégias de transformação social que o Instituto Avon vem promovendo e o que elas tem a ver com sua vida.
A psicóloga e coordenadora de projetos, MafoaneOdara, sobe a palco e fala sem medo como pessoas e marcas podem mudar a realidade feminina.

16:30 às 16:50 – Coffee Break

16:50 às 17:50 – Mulheres à frente de marcas. Um debate sobre o futuro da representatividade feminina no mercado:

Como será o futuro do mercado com a presença constante das mulheres à frente das marcas?
Nana Lima, Maria Guimarães e Viviane Duarte debatem sobre o futuro, sobre gêneros, trabalho, mudanças sociais, lutas e representatividade feminina.

Público

Estudantes (Pós-graduandos, mestrandos, Relações Públicas, Rádio, TV e Internet, Publicidade e Propaganda e Jornalismo) e profissionais de Comunicação, bem como demais interessados no tema.

Inscreva-se aqui.