Discurso político em meios digitais – atores políticos no Facebook: Jean Wyllys e Marco Feliciano

Autora: Camila Wada Engelbrecht
Tipo de produção: Produção científica
Classificação: Dissertação/Tese
Data: 08/04/2016

Resumo

A dissertação é uma discussão a respeito da comunicação política nos meios digitais, no caso o Facebook, realizada pelos deputados federais Jean Wyllys (PSOL) e Pr. Marco Feliciano (PSC). O estudo parte do pressuposto que é natural e garantido pela democracia que diferentes grupos defendam sua existência e pertencimento na sociedade, para manter vivas suas características, patrimônios simbólicos e valores historicamente compartilhados. Mais especificamente, a pesquisa analisa a maneira que atores políticos defendem a identidade do grupo que representam e pertencem na política, utilizando a comunicação. Enquanto a causa LGBT luta pelo direito ao casamento civil entre homossexuais e à adoção de crianças e adolescentes, a frente evangélica é contrária a toda e qualquer ideia que vá contra seu ideal de família heterossexual. Para isso são analisados discursos presentes em suas páginas do Facebook: com acompanhamento do ano de 2013, quando foi criado o projeto de lei por Jean Wyllys a respeito do casamento igualitário como direito a todo e qualquer cidadão brasileiro, independente de gênero. Além da questão familiar, outro ponto analisado é o embate direto que há entre os dois deputados, cada um contra o outro. A dissertação é composta pelos capítulos: “comunicação política: democracia pela perspectiva da atuação de políticos na mídia”, “teorias das mídias digitais e conversação política” e “Da rede ao social – atores políticos no facebook: as conexões da identidade à política”. A discussão é feita a partir de autores como Norberto Bobbio, Wilson Gomes, Luís Mauro Sá Martino, Robert Dahl, José Luis Dader, entre outros.

Palavras-chave: Comunicação. Mídias digitais. Mídia e Política. Facebook. Conversação Política.