Marcelo Soler

Marcelo Soler é diretor teatral, dramaturgo e teatro-educador. Doutor em Artes Cênicas com a tese O Campo do Teatro Documentário: morada possível de experiências artístico – pedagógicas; sob orientação do Prof. Dr. Flávio Desgranges pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, instituição pela qual obteve o título de mestre com a dissertação: Teatro Documentário: a pedagogia da não ficção; sob a orientação da Profa. Dra. Maria Lúcia de Souza Barros Pupo. Professor da Escola de Comunicação e Artes da USP responsável pelas disciplinas Jogos Teatrais I e II , Teatro e Educação e Ação Cultural em Teatro. Participa como diretor e dramaturgo da Cia Teatro Documentário . Pesquisador no grupo Pedagogia do teatro: conceitos e contextos, do(a) Universidade de São Paulo. Graduado em Artes Cênicas pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo e em Comunicação Social pela Faculdade Cásper Líbero, desenvolveu nessas instituições trabalhos tecendo relações entre as linguagens cênica, plástica e audiovisual. Participou do INERTE (Instável Núcleo de Estudos de Recepção Teatral) coordenado pelo Prof. Dr. Flávio Desgranges. Diretor de montagens em Escolas Profissionalizantes em São Paulo, já lecionou também em escolas na Educação Infantil, no Ensino Fundamental e no Ensino Médio. Atuou também como professor universitário responsável pelas disciplinas Direção Teatral I e II, Jogos Teatrais, Pedagogia do Teatro, Prática de Ensino em Artes e Políticas Educacionais da Faculdade Paulista de Artes. Na Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero é responsável pela disciplina interpretação para TV (direção de atores) no curso de Rádio e Televisão. Como formador de professores de Educação Infantil da Prefeitura de São Paulo, desde 2008, tem como um dos principais focos de reflexão as relações entre infância e arte contemporânea. Lançou pela Editora Garçoni Quanto vale um cineasta brasileiro?, livro/documentário sobre a vida e obra do cineasta Sérgio Bianchi, Teatro Documentário: a pedagogia da não ficção pela Editora HUCiTEC, além de ser co-autor do livro Uma escrita documental: CIA. TEATRO DOCUMENTÁRIO em encontros e perdas nas casa e ruas da cidade de São Paulo.

Ver Currículo