“Cuidado, Frágil!” tem projeto estruturado e muitos aprendizados

Por: Lidiane Faria, do Núcleo de Mídias Digitais

Conheça a websérie criada por Casperianos

fragil-reader

Considerando-se azarado, o Casperiano de Rádio, TV e Internet Paulo Vita sempre comparava sua situação com uma amiga muito sortuda e se questionava: “será que seria possível ter ainda mais azar?”

Eis que, em agosto de 2014, Paulo quebrou um espelho. Ao chegar na Faculdade, contou o caso para seu grupo de estudo e mal sabia que ali surgiria o projeto “Cuidado, Frágil!”. A websérie semanal, assim intitulada, conta a história de um casal que, durante uma discussão, se envolve em uma pequena confusão com um espelho e descobre que ambos estão presos a uma maldição.

Ainda no 1º ano, o grupo participou da Semana do Audiovisual do curso de RTVI da Cásper Líbero e levou a experiência a sério, especialmente o pitch (discurso de venda) que seria desenvolvido para Felipe Ferrari Ferreira, coordenador de conteúdo e produção na FOX.

Paulo ressalta também a importância da Faculdade no processo. “No início, todos os equipamentos e materiais eram fornecidos pela Faculdade, além do apoio dos professores”, conta.

A Clact Zoom também esteve presente na realização desse projeto. Segundo o professor Marco Vale, coordenador da produtora, “O ‘Cuidado Frágil! ’ é um talentoso exemplo dos projetos apoiados pela Clact, em que os alunos assumiram o desafio de experimentar uma proposta, com total autoria, de ficção seriada cômica para o YouTube, formato de produção cada vez mais importante no panorama audiovisual jovem brasileiro.”

O estudante não consegue elencar quais foram as principais dificuldades e aprendizados no projeto, considerando todos os passos essenciais. No entanto, destaca a importância do planejamento, com atenção especial às questões aparentemente mais simples.

Referências e próximos passos

A comunicação em vídeo tem crescido de forma significativa, principalmente com a ajuda de algumas plataformas. Paulo entende que o YouTube é uma grande fonte de inspiração e, por sua horizontalidade, é também um ponto importante para o futuro.

Estima-se que em 2017, o vídeo representará aproximadamente 69% do tráfego da internet por consumidores, com isso, o YouTube tem ganhado destaque como canal de branded content, sendo uma forma de comunicação e publicidade muito efetiva e direta.

Confira o primeiro episódio da série:


Ficha técnica

Criação: Paulo Vita
Direção: Clara Nonato
Roteiro: Paulo Vita
Direção de fotografia: Clara Nonato
Direção de arte: Marina Arena
Produção geral: Glaucia Cintra
Direção de Áudio: Tácia Herstig
Edição: Paulo Vita
Produção executiva: Marina Arena; Glaucia Cintra; Tacia Herstig; Clara Nonato; Paulo Vita