O discurso corporativo ressignificado na internet: A apropriação paródica do discurso oficial da Friboi no Facebook

Autor: Pedro Arthur Nogueira
Tipo de produção: Produção científica
Classificação: Dissertação/Tese
Data: 29/09/2014

Resumo

A revolução midiática promovida pela Internet permitiu que ocorresse uma enorme transformação na sociedade pós-moderna. O ciberespaço emergiu da relação midiática entre o indivíduo e o computador e as relações sociais promovidas nesse contexto, sem barreiras geográficas, produziram a cibercultura oriunda das interações potencializadas pela cultura de convergência. Os ciberindivíduos postam discursos “recheados” de significados inerentes a esse ambiente e enunciados dialógicos no contexto sem controle da Internet – um cenário fecundo para a apropriação de discursos – e dialogicamente conversam sem a preocupação com a manutenção do sentido do discurso. É a intertextualidade multiplicada pela cibercultura. A polifonia e a ausência de poder estão envolvidas nesse processo midiático. O fenômeno da comunicação social na Web encontra nos discursos dialógicos e polifônicos uma das essências da cibercultura, a troca. O intuito desse trabalho é identificar, por meio de um estudo de caso, a dialogia presente nos discursos e entender o impacto do ciberespaço, da cibercultura e da cultura de convergência no discurso apropriado pelos prossumidores nas redes sociais na Internet. Para isso, foi realizado um estudo exploratório na Internet, durante o segundo semestre de 2013, em busca do discurso oficial da empresa Friboi em suas redes sociais oficiais, evento conhecido como a campanha da marca protagonizado por Tony Ramos e veiculado especificamente no Facebook. Em paralelo, foi realizado um levantamento desse discurso apropriado pelos ciberindivíduos que, por meio da paródia, desviavam o sentido do discurso original. A observação comparativa desses dois discursos, o original e o parodiado, permite observar a transferência de poder intrínseca em cada discurso. Este estudo conclui que de forma geral a apropriação de um discurso pode de alguma forma resultar em transferência de poder, uma vez que os prossumidores buscam por meio de suas publicações, apropriadas ou não, obter relevância no ciberespaço e tal relevância é conquistada pela influência, ou poder dos “likes”. Um discurso apropriado parodicamente pode ter mais relevância que um discurso oficial.

Palavras-chave: Cibercultura. Dialogismo. Discurso oficial. Paródia. Friboi.