Mulheres nerds: identidade e consumo no grupo Minasnerds no Facebook

Autor: Gabriela Bariani Colicigno
Tipo de produção: Produção científica
Classificação: Dissertação/Tese
Data: 11/12/2017

Resumo

Esse trabalho tem por objetivo entender como as mulheres se identificam como nerds, a partir de uma pesquisa feita no grupo do Facebook chamado MinasNerds. Busca-se investigar o percurso da identidade nerd nas últimas décadas, para entender quando ela surgiu e como se deu seu processo de ressignificação, e como as mulheres se inserem dentro desse grupo social, além de quais as diferenças que elas enfrentam ao se identificarem como nerds, de forma a contribuir com os estudos de comunicação sobre mulheres dentro deste grupo social. Também procura-se entender as relações entre consumo, identidade e imagem dentro da cultura pop. O trabalho é dividido em três capítulos, sendo que o primeiro trata da questão da identidade nerd, baseando-se em autores como Stuart Hall, Zigmunt Bauman e Katherine Woodward para falar de identidade, e Patrícia Matos, David Anderegg e Lori Kendall para falar especificamente sobre os nerds. O segundo explora a questão das mulheres como nerds, além de trazer uma análise da organização do grupo MinasNerds, tendo como base Lori Kendall e Sonnet Robinson na primeira parte, e Raquel Recuero, Alex Primo e Marcos Dantas para falar sobre a organização nas redes sociais. Ambos os capítulos se baseiam principalmente em uma pesquisa bibliográfica. Já o terceiro capítulo conta com uma análise de um questionário feito com as participantes do MinasNerds, que recebeu 350 respostas, além de fotografias enviadas por sete mulheres do grupo, colhidas em um diário de imagens para entender o que elas consideram que as torna nerds aos olhos das outras pessoas, usando os autores dos dois primeiros capítulos e os articulando com o conceito de Sociedade do Espetáculo de Guy Debord. Diante disso, o trabalho levanta a hipótese de que as mulheres que se identificam como nerds sofrem preconceitos e assédios dentro do grupo social, além de terem mais dificuldade de serem reconhecidas como parte dele do que os homens.

Palavras-chave: Comunicação; Identidade; Mulher; Nerd; Cultura Pop; Facebook.