Revista Arruaça – Edição nº 1

logo_arruaça

Janeiro de 2014

Desde a pré-história o ser humano já produzia música, um dos principais elementos da cultura humana. Ao caminhar pelas ruas, é fácil encontrar músicos em diversas cidades. Muitas vezes, esses artistas permanecem no anonimato, cultivando a liberdade por onde passam.

O ensaio de Isabela Barbosa Em qualquer dia ou noite, em qualquer lugar mostra que a experiência da música prescinde de pré-requisitos. Para poder apreciá-la, basta usufruir a voz ou o instrumento do artista.

Ao passar por São Paulo, Curitiba, Londres, Amsterdã, Santiago e Buenos Aires, a fotógrafa retratou músicos de rua que abrem sua arte às portas ao mundo, ao universo.

Crédito das fotografias: Isabela Barbosa

 

 


Na edição atual

 A poucos quilômetros do centro histórico de Santos, litoral de São Paulo, comunidades ainda vivem da pesca, jardinagem e artesanato

Cresce o número de bares e restaurantes voltados à cultura nerd

O coletivo que se apresenta nas festas da noite paulistana e reivindica os direitos femininos para a arte drag.

A cultura de consumo voltada a artigos de segunda mão.