A fotografia como mídia em obras de arte contemporânea efêmeras no Brasil

Autor: Jefferson Dias de Lima Mondoni
Tipo de produção: Produção científica
Classificação: Dissertação/Tese
Data: 02/10/2017

Resumo

Este trabalho se apresenta como pesquisa interdisciplinar em comunicação e arte contemporânea e tem como objetos de análise registros fotográficos de ações de artistas no meio social. Foram selecionados cinco exemplos de ações artísticas, realizadas no território brasileiro nas décadas de 1950, 1960, 1970, 2000 e 2010 por Flávio de Carvalho, Artur Barrio, Cildo Meireles, Alexandre Orion e autor desconhecido, respectivamente. Todas intervêm de forma poética no espaço, questionando padrões sociais estabelecidos. Por se tratar de ações que aconteceram no decorrer de sessenta anos, a fotografia apresenta evoluções técnicas. O registro fotográfico dessas ações e o hibridismo entre a linguagem artística de intervenção no espaço e a linguagem fotográfica são debatidos com apoio dos teóricos Boris Kossoy, Lúcia Santaella, Vilém Flusser, Gilles Lipovetsky, Jean Serroy, Jonathan Crary, Walter Benjamin e André Rouillé. Assim, por meio do estudo desses casos, buscou-se entender como se deu a relação entre as linguagens artísticas contemporâneas efêmeras no Brasil e a fotografia e como esta foi usada como linguagem documental nos registros de ações poéticas no espaço.

Palavras-chave: Comunicação. Arte Contemporânea. Fotografia. Intervenção. Espaço Social.