Revista Cásper

logo_revista_casper

Edição atual

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Revista Cásper – Nº 28  – Agosto 2019

Editorial

Focada em comunicação, a Revista Cásper, com publicação quadrimestral, procura trazer temas inovadores e atuais sobre o mercado de trabalho e sobre o universo das mídias. Estamos agora também em formato digital. Confira aqui o site.

A POTÊNCIA DO DIGITAL

Como surgem as revoluções? Ingleses e franceses tiveram as suas no século XVIII. Em 1917, a Rússia vivenciou a primeira experiência socialista no mundo. Há 50 anos, iniciou-se a chamada revolução digital, o que nos torna personagens privilegiados da História. Com o envio da primeira mensagem, um acidental “LO” disparado às 22h30 de 29 de outubro de 1969, a internet deu seus primeiros passos. E nunca mais parou. A rede mundial de computadores virou tão presente em nossas vidas que até perdemos a perspectiva de sua importância. É uma ferramenta tecnológica, mas essencialmente comunicacional.
A equipe da revista CÁSPER relembra, pela escrita habilidosa de Rafaela Bonilla, como a revolução digital começou, mas vai além na exploração dos impactos da cibercultura no campo da comunicação. Um deles é como a internet tem impulsionado a criação das startups, empresas que surgem pequenas, mas têm alto potencial de se tornarem, rapidamente, grandes negócios. A editora Paula Leal Mascaro se debruçou, com muito fôlego, sobre o tema para produzir a reportagem de capa desta edição, um especial de oito páginas. Henrique Artuni, com muito estômago, investigou o submundo da internet para mostrar como funcionam os fóruns online. Foi lá que jovens planejaram o massacre de estudantes de uma escola pública de Suzano, na Grande São Paulo.
Ana Navarro, nova editora da CÁSPER, mostra como a (má) publicidade tenta pegar carona em sites de alta audiência como a Wikipédia, adulterando conteúdos que deveriam ser livres de qualquer teor propagandístico. Os repórteres Thiago Bio e Pedro Garcia mostram como o podcast, uma ferramenta da comunicação favorecida pelo alto poder distributivo da internet, se consolidou de vez. A revolução digital, como se vê, está presente nesses e em diversos outros temas que nos orgulhamos de apurar cuidadosamente para levar até vocês a cada edição.
Boa leitura a todos.

EDUARDO NUNOMURA

Editor-chefe