O Mantra é o Negócio: prescrições comunicacionais no mundo do trabalho

Informações gerais

Sala Aloysio Biondi e Sala 15 da Pós
Data

24 de novembro de 2018 (sábado)

Horários

9h às 17h

Descrição

Inove. Faça uma disrupção. Vença. Pense fora da caixa. Seja feliz e ame seu trabalho todos os dias.
Quem nunca ouviu expressões como essas no mundo do trabalho?
Há palavras-chave que funcionam como mantras do mundo corporativo, prescrições em relação às atividades de trabalho, nos convocando a ser ou agir de determinada maneira.

No Seminário “O Mantra é o Negócio”, discutiremos algumas questões como:

- Qual o papel da comunicação nas prescrições em relação ao mundo do trabalho?

- Quais são os sentidos produzidos e circulados pela gramática corporativa?

- Quais as tendências de prescrições em relação ao mundo do trabalho?


Programação:

09h - Abertura - A Comunicação e as Prescrições no Mundo do Trabalho
  • Claudia Rebechi (UTFPR)
  • Roseli Fígaro (USP)
  • Vander Casaqui (UMESP)

Mediação: Rafael Grohmann (Cásper Líbero)

13h30 - Mesas com apresentações de trabalho

 

Mesa 1

  • Marcos André Costa – O Management em Você S.A.: palavras-chave do business bingo made in Brazil
  • Fernanda Rivelli – Compliance como mantra: prescrições de comunicação e ética nas organizações
  • Fernando Pachi – A liberdade de expressão no limite das organizações: um valor negociado
  • Vinícius Riqueto - Confiança e anonimato na rádio peão digital: relatos de funcionários no LoveMondays e no 99Jobs
  • Renata Penteado – Com que roupa eu vou? Uma crítica ao dress code como prescrição no mundo do trabalho

 

Mesa 2

  • Janaína Truzzi – Prescrições de alta performance em relação à “atração de talentos”: distâncias entre o trabalho prescrito e o trabalho real
  • Bruno Carramenha - Diversidade, pero no mucho: o gap entre o discurso e a prática da diversidade nas empresas
  • Thais Godinho – Carma instantâneo: o discurso zen na produtividade
  • Camila Acosta – O imperativo da autonomia: sentidos neoliberais formatados nos discursos do “terceiro setor”
  • Anna Luiza Andrade e Eric de Carvalho - Dreamworks: emprego dos sonhos e a idealização do ambiente de trabalho na Disneyland

 

Mesa 3

  • Daniela Biondo – “Sigam-me os bons”: líderes de pensamento (thought leaders) como personificação das prescrições empresariais
  • Jamir Kinoshita – Transporte medieval de cargas em pleno século XXI: a comunicação no mundo do trabalho dos carregadores da CEAGESP
  • Vanessa Puerta – Sujeito local, crachá global: prescrições de comunicação intercultural em empresas globais
  • Naiana Rodrigues da Silva - A aventura do trabalhador no mundo da comunicação: histórias de vida no trabalho de jovens jornalistas egressos da Universidade Federal do Ceará (UFC)
  • Cristiane Malfatti – O lastro de uma boa reputação: valores e mantras em circulação
  • Ricardo Nóbrega - Show Business: As prescrições de porta-vozes que se tornaram influenciadores

Inscrições: Envie previamente um e-mail com seu nome completo, RG e a mesa de interesse (no período vespertino) para [email protected] Feito isto, aguarde a confirmação de sua inscrição.

Informações sobre créditos: Mestrandos interessados em obter 1 (um) crédito em seminário (equivalente a 8 horas de trabalho) devem se inscrever e participar da Mesa 1 (Abertura) e de mais 1 (uma) das mesas simultâneas do período vespertino, à sua escolha.

Público

Aberto a alunos e professores da graduação e da pós-graduação, profissionais de comunicação e público externo interessado no tema.