PROCESSO SELETIVO 2024 Fechar

Por Ana Luiza Sanfilippo, estagiária do Núcleo de Mídias Digitais

O plágio está muito presente na área da comunicação, principalmente em publicidade e propaganda, e se manifesta de diversas formas. É muito comum assistir a um comercial de televisão ou receber um conteúdo publicitário nas redes sociais e ter a sensação de já ter visto algo parecido.

Isso aconteceu no final de 2023 com uma propaganda feita pela empresa Bauducco, protagonizada pelas cantoras Juliette e Duda Beat. Os internautas afirmaram que o comercial “Magia Amarela” era um plágio da canção do rapper Emicida chamada “AmarElo”. O fato repercutiu nas redes sociais e trouxe uma série de dúvidas sobre plágio e como identificá-lo.

Segundo o  professor Ariovaldo Vicentini, o direito autoral pede que toda obra de arte tenha originalidade, apesar de não ser possível ser 100% original:

“Estamos produzindo publicidade há pelo menos um século. É difícil colocar uma campanha ou ideia que seja absolutamente original. A lei exige originalidade, algo que possa diferenciar as suas campanhas das outras.”

O professor comenta também que há formas muito simples de fazer propagandas e que elas acabam se repetindo e sendo vistas constantemente. Mas como um exemplo de plágio na publicidade, citou o caso da Bauducco tão comentado no ano passado.

 

Como identificar um plágio?

A propaganda e a música têm muitas semelhanças entre si, como o nome, letras parecidas e a ideia visual do projeto. Por mais que as pessoas na internet tenham notado como a publicidade se assemelha à canção “Amarelo”, no final, a função de decidir se é plágio ou não, é judicial:

“O juiz vai nomear um perito para decidir se há plágio. Se tiver, as consequências são legais de acordo com o que está previsto na lei.”, explica o professor Ariovaldo Vicentini.

Ele também comenta que, normalmente, a ação tomada pelo juiz é baseada na análise de um profissional da publicidade, como publicitários, críticos de arte e música entre diversas outras áreas em que a publicidade atua.

 

Como produzir um trabalho original e evitar o plágio?

As produções da área da comunicação são vigiadas a todo momento, ainda mais as publicidades. Seja por órgãos de autorregulação, pelos próprios consumidores e por outros publicitários.

A pesquisa e o estudo são os melhores jeitos de evitar problemas de plágio em algum projeto. A pesquisa é essencial para analisar outros trabalhos já feitos e não correr o risco de algo já realizado. Já o estudo é um diferencial na vida de quem quer se aperfeiçoar na publicidade.

A Faculdade Cásper Líbero oferece pós-graduação em Marketing e Publicidade em Mídias Digitais. O curso tem como objetivo formar profissionais para atuar estrategicamente em marketing e publicidade nas mídias digitais, com conhecimento e saberes práticos sobre planejamento, ações e produtos na área. Saiba mais sobre a especialização e inscreva-se.

 

Foto destaque: Reprodução/ Netflix