Por Manuela Montez, da equipe de assessoria da Fundação Cásper Líbero

Nessa terça-feira, 20 de setembro, a mesa-redonda do “Conexões RP”, sediada na Faculdade Cásper Líbero, recebeu especialistas para discutir a Comunicação Pública e Governamental.

Com mediação realizada por Aluísio Silva Jr., presidente da CONRERP (Conselho Regional de Profissionais de Relações Públicas) 2ª região, o evento híbrido contou com plateia composta por alunos de relações públicas da Cásper e foi transmitido ao vivo no YouTube. Confira:

Para a convidada Cláudia Lemos, presidente da ABCPública (Associação Brasileira de Comunicação Pública), a comunicação pública é realizada com foco no cidadão e não na instituição, governo ou governante:

“A comunicação praticada pelo serviço público é aquela que coloca em primeiro lugar o interesse de quem é atendido, a transparência e o incentivo à participação dos indivíduos nas discussões sobre políticas públicas.”

Ana Lúcia Novelli, diretora de relações públicas e comunicação organizacional do Senado Federal, participou da mesa virtualmente direto de Brasília. Ao ser questionada sobre os indicadores de qualidade do setor público, ela explicou:

“Usando o exemplo da televisão, o principal indicador de eficiência é a nossa disponibilidade. O cidadão brasileiro sabe que, se ele quiser, vai ligar na TV Senado e assistir discussões políticas importantes. Além disso, outra medida de sucesso é a natureza do serviço público, composta pela transparência, pelo acesso e por uma linguagem facilitada. Já os índices da televisão privada, como a audiência, partem de outra lógica, relacionada a preços e anúncios.”

O convidado Flávio Schmidt, sócio-diretor da PróImagem, Consultoria de Relações Públicas, tocou no assunto que muitos de seus alunos e colegas lhe indagam sobre a comunicação:

“Sempre me perguntam o que eu sugiro para a carreira deles. Eu digo que, na medida do possível, você deve esquecer das tendências de mercado e modismos. As empresas embarcam nessa direção e acabam criando coisas muito superficiais. O profissional precisa entender o mercado, é claro, mas principalmente, desenvolver uma forma estratégica de leitura do que está acontecendo.”

Confira mais informações sobre o que aconteceu no Conexões RP.

previous arrow
next arrow

previous arrownext arrow

Slider